Assessoria de Imprensa vale a pena?

Os avanços tecnológicos e a mudança na forma de conversar com os públicos que
ocorreram nos últimos anos, transformaram o papel do assessor de imprensa
radicalmente. Se até pouco tempo atrás, seu único destino e ponto focal eram as
mídias tradicionais, como rádio, tv e jornais, agora, um novo universo de possibilidades
se abre trazendo uma perspectiva muito mais interessante a este setor.

Mas, antes de entrarmos mais profundamente no tema, já respondo; sim! O papel do
assessor de imprensa se multiplicou e é de extrema importância para as corporações e
sempre vai valer a pena, pois comunicar ainda é a única maneira de criar pontes entre
as empresas seus públicos. As mudanças pareçam óbvias, mas ainda são frequentes as
dúvidas e questionamentos de como uma agência de relações públicas pode atuar.

Definitivamente, as agências de comunicação são fundamentais para estratégia de
posicionamento das empresas, principalmente após essa transformação nas mídias, a
diminuição considerável dos veículos tradicionais de comunicação e a crescente
exponencial do impacto das redes sociais.

Inovação é também a palavra de ordem para este setor. As inserções orgânicas ainda
são o grande “baú de tesouros” para conseguir relevância, mas é preciso ir além. As
empresas anseiam ouvir por soluções que saiam da caixa e surpreendam marcas e os
seus públicos.

Pra começar, cabe ao assessor de comunicação traçar um planejamento estratégico
de que converse com os diferentes públicos da empresa. Sim, estamos falando da
comunicação interna, tão importante para engajar os colaboradores. A arquitetura de
um bom projeto de comunicação interna constrói pontes que aproximam muito mais
os colaboradores da organização. Mais do que apenas canais de via única, a
comunicação abre espaço para que a voz de todos seja ouvida.

Mas quando saímos do ambiente interno, aí sim começam outros desafios bem
maiores. O aparecimento de novas redes e canais surge como uma oportunidade para
que as marcas se transformem também em criadores de conteúdo. Porém, se essa
estratégia não for desenvolvida por um profissional com total conhecimento da área, a
iniciativa pode ir por água abaixo.

A agência de comunicação, termo hoje mais coerente para substituir o de “assessoria
de imprensa”, é o parceiro ideal para estruturar um canal efetivo, que gere conteúdo
relevante e faça sentido no dia a dia do consumidor. Não basta apenas vociferar
“verdades”, é preciso estar aberto ao diálogo e tratar a opinião do cliente como uma
parte fundamental do crescimento da empresa.

Engajar, viralizar e influenciar são os verbos mais conjugados por aqueles que sabem
onde a sua marca quer chegar no mundo digital. Porém, a presença nas redes sociais
precisa de estratégia, planejamento e conhecimento em comunicação, expertises que
o assessor de imprensa tem total domínio e competência.

O relacionamento com os influenciadores digitais, por exemplo, precisa construído
com total profissionalismo. Muitos já atingiram um alcance ainda mais significativo do
que os próprios veículos de comunicação. Logo, não basta achar que o simples envio
de um produto significa uma ação com influenciador digital. É preciso planejar,
negociar e alinhar resultados para ambas as partes. Esta é uma tratativa que apenas as
agências de comunicação são capazes de costurar todas as pontas para que o
resultado seja efetivo e supere as expectativas.

Ainda vale lembrar que é importante respeitar a história e a tradição de empresas que
estão no mercado há mais tempo do que todas essas tendências. É impossível querer
que ações modernas e descoladas se encaixem com absolutamente todos os perfis.
Avaliar a presença do público, a sinergia entre canais e a consonância com os objetivos
da marca é uma missão do assessor de imprensa, que em algum momento poderá
falar não para o seu cliente, em nome da melhor estratégia e dos bons resultados.

Não é porque uma rede social está na moda, como o Tik Tok, que qualquer empresa
precisa estar presente. Como ter certeza de que as escolhas estão desenhadas com a
expectativa da marca?

Parcerias à longo prazo são essenciais para marcas que querem manter a sua
reputação e a sua imagem blindada. A assessoria de imprensa (ou de comunicação)
atua ainda com a previsão de cenários, com um olhar que vai muito além dos
resultados e caminha junto com o crescimento da empresa.

Uma das relações que melhor ilustra esse aspecto é a necessidade de política de
comunicação assertiva para empresas que atuam no segmento b2b. As relações de
confiança são fortalecidas quando as soluções são oferecidas com conteúdo claro e
efetivo, mais um papel estratégico da assessoria de imprensa.

Na sede de inovar, muitos profissionais deixam o básico e os processos de lado para
apostar em soluções mágicas. Não existem milagres. É preciso estar ciente de que
campanhas estrondosas não são feitas com uma verba limitada e sorte. O trabalho
requer preparo, profissionalismo e respeito por toda a cadeia envolvida. O
planejamento apurado precisa de meses, não de uma semana.

É dessa forma que marcas conquistam respeito, admiração e constroem a sua
reputação. Este relacionamento claro e a habilidade para construir pontes com os
públicos, só pode ser desenvolvido por profissionais especializados na arte de se
comunicar.

Mais do que nunca, o papel da nova assessoria de imprensa, termo este, que agora,
mais do que nunca, deve ser aprimorado para assessoria de comunicação, nunca foi
tão fundamental. Respondendo à pergunta inicial, assessoria de imprensa não apenas
vale a pena, como é fundamental para a existência sustentável de qualquer empresa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *